Categorias
Noticias

Igreja Universal tirava ilegalmente US$ 120 milhões de Angola, dizem bispos

Culto em um dos mais de 200 templos da Igreja Universal em Angola.
Culto em um dos mais de 200 templos da Igreja Universal em Angola.

A Igreja Universal do Reino de Deus, liderada pelo bispo brasileiro Edir Macedo, levou ilegalmente de Angola para a África do Sul, a cada três meses, US$ 30 milhões, segundo reportagem do jornal UOL. De acordo com a publicação, o caso foi revelado por meio de denúncias de bispos angolanos às autoridades do país. Os valores somados chegam a US$ 120 milhões por ano.

De acordo com o UOL, o pastor e ex-diretor da TV Record África Fernando Henriques Teixeira foi apontado como o responsável por essa tarefa. A operação teria se repetido nos últimos 11 anos, desde quando o religioso brasileiro chegou ao país.

A denúncia foi feita à polícia angolana por bispos e pastores locais que se rebelaram contra a direção brasileira da Igreja Universal do Reino de Deus, no final de 2019. Eles confirmaram suas alegações ao UOL.

“A imagem para representar o que acontecia em Angola era a de um saco sem fundo: tudo o que entrava saía”, diz o ex-pastor angolano Armando Tavares.

A assessoria de imprensa da Universal em Angola, em nota, desmentiu as acusações.

Por sua vez, a Igreja Universal no Brasil afirma que a liberdade religiosa está em risco em Angola. Também procurada, a TV Record não respondeu aos questionamentos da reportagem.

Dólares escondidos em malas

Conforme a reportagem do UOL, Fernando Henriques Teixeira atuava nos últimos apenas como executivo da TV Record África. Mas ele teria obtido o visto e a autorização para entrar e trabalhar em Angola como pastor, segundo os bispos angolanos ouvidos pela reportagem.

A maior parte do dinheiro ilegal seguia de carro para Johannesburgo, na África do Sul, via estradas da Namíbia, de acordo com os denunciantes. Os dólares estariam escondidos em malas, no forro dos veículos e até em pneus.

A “Reforma” da Universal em Angola

O bispo João Bartolomeu —um dos membros mais atuantes na “Reforma”, como passou a ser chamado o movimento desencadeado por 330 religiosos em Angola contra a direção brasileira da Universal— foi um dos responsáveis pelas denúncias contra Teixeira e os outros três membros da igreja.

Os angolanos divulgaram um manifesto acusando o comando da Universal de supostos crimes, entre eles lavagem de dinheiro, evasão de divisas e expatriação ilícita de capital, além de práticas de racismo, discriminação, abuso de autoridade, imposição de vasectomia aos pastores e intromissão na vida conjugal dos religiosos.

Bartolomeu e seus colegas deram seus testemunhos e repassaram documentos que comprovariam as denúncias ao Serviço de Investigação Criminal (SIC), a polícia federal de Angola. Após investigações, as conclusões foram encaminhadas à Procuradoria Geral de Justiça local e daí para a Justiça.

O grupo de bispos e pastores da “Reforma” assumiu, em julho do ano passado, o controle de mais de 300 templos da Universal em Angola. Em abril deste ano, o bispo Edir Macedo viu a sua TV Record África ser retirada do ar no país e os pastores brasileiros contrários à nova liderança colocados em um avião e mandados de volta ao Brasil.

Categorias
Estudos

Lição bíblica para alcançar o sucesso

 

 

“Em todo trabalho há proveito, mas ficar só em palavras leva à pobreza.” – Provérbios 14.2.

Salomão, ao escrever esse livro comparou a pobreza de maneira bastante negativa. A pobreza é comparável ao malandro (6.11), vagabundo (24.34) e ao opressor pobre que oprime aos pobres (28.15).

Podemos ter muitos projetos, mas só serão bem sucedidos aqueles que forem postos em execução.  E, só seremos plenamente bem-sucedidos se nossas vidas estiverem submetidas ao senhorio de Cristo (Salmo 37.4).

A linha lógica de Provérbios 14.2 diz respeito aos planejamentos, e está na esfera material, mas é abrangente. Por exemplo, é possível encaixá-lo na questão da nossa prática de fé. Se amarmos a Deus em primeiro lugar, tudo o mais que aceitarmos ou refutarmos será decidido segundo a vontade do Senhor, e teremos a aprovação dEle. Empreenda taferas neste sentido, pois quem ama a Deus consulta a Palavra de Deus antes de decidir sobre o que fará.

Como cristãos, devemos traçar as prioridades com muita clareza e, de acordo com as orientações bíblicas, envolver-se plenamente para que todas elas sejam sucesso, analisar e escolher ações que revertam-se em bem (1 Tessalonicenses 5.21). Em primeiro lugar, precisamos cumprir nossas obrigações em relação a comunhão com Deus; em segundo, cumprir os deveres no meio familiar; em terceiro, na igreja; e em quarto entre as amizades fora do lar.

Trabalhemos com afinco para alcançar nossos objetivos. Façamos a nossa parte sempre de maneira completa. Não convém abandonar pela metade o que estivermos envolvidos.

Creio que ninguém deseja ser companheiro do "malandro", do "vagabundo" e nem do "opressor". Sejamos ricos em realizações de projetos.

Apenas viver entre teorias sobre como proceder na vida, ou criticando quem estiver empenhado em conquistar o que quer, não nos conduz aos resultados finais desejáveis. Alimentar sonhos somente com palavras, empobrece. É necessário trabalhar também.
"Levanta-te, pois, porque te pertence este negócio, e nós seremos contigo; esforça-te, e age." -   Esdras 10.4.

E.A.G.

Postado por Eliseu Antonio Gomes

Categorias
Artigos

Ratinho Justifica Declarações Contra Valdemiro: ‘Não Acredito que Deus se Meta com Dinheiro’

 

Por Jussara Teixeira|Correspondente do The Christian Post

O apresentador Carlos Massa, do “Programa do Ratinho” esteve quarta-feira no programa “Agora é Tarde" (Band) do humorista Danilo Gentili, sendo recebido com honras pelo apresentador, fã confesso de Ratinho.

Ratinho passou por diversos assuntos e chegou à polêmica sobre suas declarações sobre o apóstolo Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial do Poder de Deus (IMPD). Segundo o F5, ele disse que falou ao telefone com Valdemiro, e que o problema já foi solucionado. “Eu acredito em milagres", declarou o apresentador, "o que eu não acredito é que Deus se meta com dinheiro".

Há duas semanas Ratinho chamou o líder religioso de “mentiroso” em seu programa no SBT e afirmou que duvidava que ele conhecesse a Bíblia. O apresentador ainda acusou o líder religioso de possivelmente estar cometendo estelionato e deveria estar, por isso, na cadeia.

Os comentários foram proferidos depois que o apresentador assistiu a um vídeo da Igreja Mundial onde um membro da igreja afirmou que uma dívida particular de R$ 18 mil reais foi perdoada após ele esfregar uma “toalhinha milagrosa” na fechadura do banco credor.

Indignado com isso, Ratinho decidiu atacar Valdemiro em seu programa, chegando a dizer que a cena e o testemunho haviam sido combinados previamente.

Apesar dos ataques, Ratinho disse que tornou sua atuação mais suave no SBT, depois de receber uma enxurrada de críticas da imprensa por suas palavras e atitudes agressivas.

O apresentador comparou as duas emissoras em um tom de protesto, dando a entender que se estivesse na Globo, ninguém falaria mal. “Da Globo ninguém fala mal – pode ver, (o que) nos outros é brega, na Globo é chique!", disse Ratinho. Quando questionado se aceitaria ir para a Globo, respondeu: "duvido que a Globo pague o que eu ganho no SBT", disparou.

Danilo Gentili despediu-se do apresentador dizendo que seria seu fã e confessou: “se o programa acabar amanhã, eu já tô feliz!"