Categorias
Artigos

Menina chora ao contar visão do céu, relatando Deus sentado num trono: “Ele me abraçou”

No vídeo compartilhado pelo pastor Wagnão, a menina chora muito ao contar e descreve cenas e sensações com detalhes.
FONTE: GUIAME, CRIS BELONI
Pastor Wagnão e menina que relata sua visão com o céu e Jesus. (Foto: Captura de tela/YouTube/Wagnão)
Pastor Wagnão e menina que relata sua visão com o céu e Jesus. (Foto: Captura de tela/YouTube/Wagnão)

Na última quarta-feira (26), o pastor Wagnão postou em seu canal no YouTube o vídeo de uma menina que teve uma visão do céu enquanto estava orando com a mãe.

“Jesus está tocando nas crianças, leve o seu filho para Deus. Jesus está se revelando para as crianças”, disse antes de compartilhar o vídeo que ele classificou como impactante.

“Que isso [o conteúdo do vídeo] não seja apenas um momento de emoção em sua vida, mas algo que te traga à memória aquilo que te dá esperança. Eu não sei quem é essa menina, mas ‘glória a Deus’ pela vida dela”, disse.

“Eu acho que era Deus ou Jesus”

No vídeo, a menina aparece chorando e falando de uma frase na qual estava pensando há muito tempo. “Você precisa diminuir o volume do mundo, para ouvir o volume de Deus”, disse.

E, na sequência: “Agora é meia noite e dezenove. Eu tava orando com a minha mãe e fui descrevendo o que estava sentindo. E, no meu pensamento, eu estava num campo, parecia uma cidade e parecia que não tinha fim”, relatou.

Segundo a garota, havia muitas pessoas no local que não foram identificadas, mas que ela conhecia e sentia alguma ligação. Depois ela descreveu um grande trono dourado e brilhante, com alguém sentado nele.

“Eu acho que era Deus ou Jesus, com uma roupa branca e larga”, ela descreveu e logo após disse que sentia frio e que suas pernas estavam tremendo. “Ele era muito alto, acho que tinha uns três metros”, continuou.

‘O abraço de Deus é um lugar seguro’

Ao dizer que estava sentada no colo de Deus, a menina disse que foi abraçada por Ele e que se sentiu muito segura. “Parece que nada pode te abalar […] e se você levar um soco você não vai sentir nada”, descreveu a sensação que sentiu.

Depois descreveu outra cena, onde ela estava passando a mão nos cabelos de Deus. “Era muito sedoso, era muito macio. Ele era muito bonito e estava sorrindo. E eu não conseguia parar de sorrir”, disse ainda.

A menina disse que chorava e ria de felicidade. “Todo mundo tava chorando e rindo. Eu nunca senti isso antes. Parecia que tinha alguém segurando o meu coração e cuidando dele”, tentou explicar.

Assista o vídeo:

Sobre a experiência sobrenatural

“Era tudo branco e só tinha Ele no meio. Eu não sentia nenhuma dor e nenhum tipo de tristeza. Eu só tava feliz”, enfatizou.

Quando a mãe perguntou se “foi emocionante, a menina respondeu: “Eu tava com Ele, então tava muito bom. Eu quero ficar com Ele, eu quero continuar lá pra abraçar Deus”, disse e logo começou a soluçar.

A mãe ainda perguntou: “E vale a pena buscar a Deus para ter essas experiências?”. A menina concordou.

“A presença de Deus é inexplicável. Você é renovado, transformado e recebe vida quando Ele se faz presente. Que esse momento acenda em você uma esperança viva de um dia estar lá no céu com Jesus e que essa alegria do céu comece aqui e agora”, concluiu.

Experiências semelhantes

Recentemente, a cantora Nívea Soares também compartilhou um vídeo em seu perfil, onde sua filha Alice dá um depoimento semelhante.  “Se foi visão ou sonho não sei, mas não consigo imaginar tanta riqueza de detalhes sem ter sido algo real”, relatou a artista.

“Eu tive um sonho ótimo: eu não estava mais na Terra, estava no céu. Eu vi um lago parecendo cristalino, tinha também uma luz gigante, estava em cima de um trono. Anjos estavam lá, se abaixando; a cara deles era mais ou menos luz, mais ou menos humanos”, relatou a menina que acordou os pais às 5 horas da manhã para contar seu sonho.

 

Categorias
Artigos

O grande encontro

O nascimento de Jesus é a materialização do Encontro entre Deus feito Homem e a humanidade. Ele nasceu para se encontrar com todos. Estamos nós abertos a esse encontro?

José, Maria e Jesus. (Foto: JW.org)

“E aconteceu naqueles dias que saiu um decreto da parte de César Augusto, para que todo o mundo se alistasse.
(Este primeiro alistamento foi feito sendo Quirino presidente da Síria).
E todos iam alistar-se, cada um à sua própria cidade.
E subiu também José da Galiléia, da cidade de Nazaré, à Judéia, à cidade de Davi, chamada Belém (porque era da casa e família de Davi),
A fim de alistar-se com Maria, sua esposa, que estava grávida.
E aconteceu que, estando eles ali, se cumpriram os dias em que ela havia de dar à luz.
E deu à luz a seu filho primogênito, e envolveu-o em panos, e deitou-o numa manjedoura, porque não havia lugar para eles na estalagem.
(Lucas 2:1-7). 

José e Maria foram ao seu encontro.

O nascimento de Jesus foi anunciado pelo anjo a Maria, o qual seria concebido de forma sobrenatural. Quando nasceu, José e Maria encontraram-no (v 7). Não era um filho propriamente seu, era um filho especial, dado por Deus.

O encontro começa nos mais próximos. 

Os pastores de Belém foram ao seu encontro: “E aconteceu que, ausentando-se deles os anjos para o céu, disseram os pastores uns aos outros: Vamos, pois, até Belém, e vejamos isso que aconteceu, e que o Senhor nos fez saber. E foram apressadamente, e acharam Maria, e José, e o menino deitado na manjedoura” (Lucas 2:15,16).

Estes homens podem representar os pobres, os indoutos e os que estão mais próximo. O encontro com Deus é para todos esses.

Os sábios do Oriente foram ao seu encontro: “E, tendo eles ouvido o rei, partiram; e eis que a estrela, que tinham visto no oriente, ia adiante deles, até que, chegando, se deteve sobre o lugar onde estava o menino. E, vendo eles a estrela, regoziram-se muito com grande alegria.

E, entrando na casa, acharam o menino com Maria sua mãe e, prostrando-se, o adoraram; e abrindo os seus tesouros, ofertaram-lhe dádivas: ouro, incenso e mirra” (Mateus 2:9-11).

Estes homens podem representar os ricos (ofereceram ouro, incenso e mirra), os sábios (eram cientistas, astrónomos) e os que estão longe. O encontro com Deus também é para todos esses.

Os anjos vieram ao seu encontro: “E, no mesmo instante, apareceu com o anjo uma multidão dos exércitos celestiais, louvando a Deus, e dizendo:

Glória a Deus nas alturas, Paz na terra, boa vontade para com os homens” (Lucas 2:13,14).

Os seres angelicais constituíram uma espécie de comitiva dos céus. Os céus vieram ao encontro do Deus-Menino, do Deus feito Homem, do Emmanuel.

Os idosos foram ao seu encontro: “Ele, então, o tomou em seus braços, e louvou a Deus, e disse: Agora, Senhor, despedes em paz o teu servo, Segundo a tua palavra; Pois já os meus olhos viram a tua salvação, A qual tu preparaste perante a face de todos os povos; Luz para iluminar as nações, E para glória de teu povo Israel” (Lucas 2:28-32).

Simeão encontrou o Messias esperado e há muito anunciado pelos profetas.

As mulheres viúvas foram ao seu encontro: “E estava ali a profetisa Ana, filha de Fanuel, da tribo de Aser. Esta era já avançada em idade, e tinha vivido com o marido sete anos, desde a sua virgindade;

E era viúva, de quase oitenta e quatro anos, e não se afastava do templo, servindo a Deus em jejuns e orações, de noite e de dia.

E sobrevindo na mesma hora, ela dava graças a Deus, e falava dele a todos os que esperavam a redenção em Jerusalém” (Lucas 2:36-38).

Ana, a profetisa, encontrou-o.

Deus fez-se Homem para se encontrar com todos os seres humanos, independentemente da sua condição. João Evangelista diz que Ele veio armar a sua tenda no meio do arraial (acampamento) da humanidade (1:14). Estamos nós abertos a esse Grande Encontro?

Nasceu em Lisboa (1954), é casado, tem dois filhos e um neto. Doutorado em Psicologia, Especialista em Ética e em Ciência das Religiões, é director do Mestrado em Ciência das Religiões na Universidade Lusófona, em Lisboa, coordenador do Instituto de Cristianismo Contemporâneo e investigador.

Categorias
Noticias

Assassino chega a Cristo no norte do México

México (MNN) – Nesta semana, as forças de segurança permanecem em Villa Union, uma pequena cidade a cerca de 55 quilômetros da fronteira EUA-México. O número de mortos agora é de 23, após o ataque ao cartel de sábado e as subsequentes batalhas com forças de segurança mexicanas.

A taxa de homicídios no México aumentou dois por cento este ano, e isso representa um aumento de 15 por cento durante 2018 . A violência pode ser o status quo, mas o Espírito de Deus ainda está trabalhando no México.

O diretor executivo Jason Woolford diz que um homem foi ao Senhor em um estacionamento do lado de fora de uma recente reunião do Mission Cry .

 Do assassinato à misericórdia

No mês passado , pedimos que você orasse por Woolford e sua equipe enquanto se dirigiam a Sonora, no México, para reuniões evangelísticas e apoio a parceiros. Durante a viagem, essa equipe do Mission Cry trabalhou com parceiros locais para distribuir mais de 75.000 Bíblias espanholas e recursos cristãos.

Além disso, mais de 1.500 pessoas participaram das reuniões evangelísticas de Mission Cry e 100 deram a vida ao Senhor. Enquanto Woolford caminhava até o carro depois de um desses eventos, um visitante inesperado se aproximou dele no estacionamento.

“Ele veio até mim e disse: ‘Ouça, eu estava atrás do palco bebendo Heinekens neste clube e ouvi você conversando [na reunião evangelística]”, diz Woolford.

“‘Passei 10 anos em Pelican Bay [porque] matei duas pessoas … não sei por que faço mal quando quero fazer o certo’.”

(Foto representativa do banco, cortesia de Ric Rodrigues via Pexels)

O homem soluçou quando Woolford ofereceu um abraço reconfortante. “Quando ele terminou, eu o conduzi no plano de salvação”, diz Woolford.

Ele deu a vida ao Senhor Jesus Cristo. Demos a ele uma Bíblia Mission Cry gratuita e o apresentamos a um pastor lá. ”

 Orações respondidas

Às vezes, os crentes veem Deus responder suas orações de maneiras tangíveis. No entanto, é mais frequente que as orações pareçam sem resposta. Woolford diz que a história deste homem é um relatório encorajador para todos que oraram pela recente viagem.

“Os que estavam orando … isso faz parte do seu fruto. Eu não fiz isso. Fizemos isso como uma equipe de missões, aqueles que estão ouvindo, orando e acreditando em um milagre. ”

Saiba mais sobre o trabalho de Mission Cry aqui.

“Neste ano, enviamos quase US $ 11 milhões em Bíblias e livros cristãos gratuitos para 18 países diferentes ao redor do mundo”, diz Woolford.

“Deus está tramando algo e [é importante] que … possamos preparar as pessoas para a vinda do Senhor Jesus Cristo.”

A imagem do cabeçalho é uma visão criativa da guerra às drogas no México. Descrição, gráfico obtido via Wikimedia Commons .