Categorias
Artigos Ciência curiosidades Estudos

O Código da Bíblia – documentário completo

 

Seria o Todo-Poderoso tão poderoso assim ao ponto de ser capaz de codificar suas próprias palavras? Muitos fazem esta pergunta quando tomam conhecimento do Código da Bíblia – mensagens codificadas na Torá (os 5 primeiros livros) e no restante do Antigo Testamento em forma de matrizes sendo possível encontrá-las e esquadrinhá-las (horizontal, vertical e diagonal) com o uso de computadores.

Descoberto pelo matemático judeu Dr.Eliyahu Rips e revelado nos livros “O Código da Bíblia” e “O Código da Bíblia II – Contagem Regressiva” ambos escritos pelo jornalista americano Michael Drosnin, o código tem alvoroçado o mundo. Isaac Newton já acreditava neste código e gastou metade da sua vida tentando descobri-lo mas sem um computador, que ainda não existia na época, era impossível.

O cientista Albert Eisntein com a sua teoria da relatividade concluiu que “a distinção entre passado, presente e futuro é apenas uma ilusão, embora persistente“. Para o Criador não há diferença entre o passado, o presente e o futuro pois Ele é o Alfa e o Omega, o Princípio e o Fim!

Mas uma questão é sempre feita quando se toma conhecimento do Código da Bíblia: Se tudo é possível para Deus, seria Ele capaz de codificar no Antigo Testamento nomes de pessoas e eventos com suas respectivas datas? A idéia sobre a magnitude, a capacidade e o poder de Deus está no coração de cada ser humano e quanto maior for a qualidade da sua fé maior é a tendência de crer que Ele é capaz de tudo. Afinal, o que será impossível para o Grande Matemático, Engenheiro e Arquiteto de todo o Universo? Mas nem todo que nele crê o acha tão poderoso assim…

Alguns dos fatos codificados descobertos

Hoje existem softwares mais sofisticados do que os utilizados por Rips e Drosnin entre 1990 e 1995 e todos os fatos abaixo são encontrados por quem souber usá-los. Os melhores programas são o CodeFinder: Millennium Edition da Research Systems (Windows 95 ao XP) e o Keys to the Bible da Computronic Corp.(Windows 98 ao XP).

Quem desejar se aventurar na decodificação deve estar consciente de que não é fácil encontrar mensagens codificadas pois exige-se um pouco do conhecimento do hebraico antigo. A técnica está no uso das palavras corretas e na probabilidade delas aparecerem em uma matriz. Se uma mensagem aparece várias vezes não quer dizer que tenha sido codificada. Além disso, quanto mais precisão se deseja mais tempo se leva para se chegar a matriz final.

São muitos assuntos, mas nem todos acontecem. O Código da Bíblia é muito complexo e intrigante. Aqui está apenas alguns dos fatos encontrados de centenas já pesquisados:

  • Os nomes de 32 importantes sábios judeus codificados com as suas respectivas datas de nascimento e morte no livro de Gênesis. Esta é considerada a maior prova de todas: A probabilidade de estar codificado é de 1 em 10 milhões!
  • Datas e nomes dos envolvidos nas duas primeiras guerras mundiais.
  • As datas de terremotos já ocorridos (como o da China em 1976) e outros que ainda poderão ocorrer na China, no Japão e em Los Angeles em 2010.
  • O choque do cometa Shoemaker-Levy 9 com Júpiter em 1994 (antes de acontecer) e de outros possíveis cometas com a Terra em 2006, 2010 e 2012.
  • A data de dois holocaustos atômicos: no Japão em 1945 e Jerusalém em 2006 (na verdade, 5766). A mensagem “O código salvará” indica que a cidade escapará mas o restante de Israel poderá ser destruído conforme a profecia de Apocalipse 14.20.
  • A Revolução Comunista na Rússia em 1917.
  • A data do assassinato do presidente egípcio Anuar Sadat em um desfile militar e o nome do assassino: Chaled.
  • A data do primeiro ataque de Saddam Hussein contra Israel (Tel Aviv) em 18 de janeiro de 1991 (antes de acontecer).
  • O assassinato do 1° ministro israelense Ytzhak Rabin por Amir em 4 de novembro de 1995 (antes de acontecer).
  • Luta racial americana em 1861 e 2005. Pode estar relacionada ao repúdio aos muçulmanos americanos.
  • Uma possível epidemia de Varíola em 2005. Alguns já acreditam que talvez seja a recente descoberta da “Gripe do Frango”.
  • Blasfêmia no templo do monte Moriá em Jerusalém em 2008.
  • O presidente da Síria, Bashar Al Assad codificado com Guerra do Armagedon: “Armagedon, holocausto de Assad”.
  • Síria codificada com “Guerra Mundial” e com “Magogue”. Isso indica algum envolvimento entre Síria e Rússia, possivelmente relacionado ao fornecimento de armas atômicas ou urânio.
  • O nome Ariel (Ariel Sharon?) codificado com “Guerra Mundial”, Jerusalém e “nono dia do penúltimo mês hebraico (9 de Av) é o dia da terceira” (ano?).
  • A queda do governo de Saddam Hussein em 2003 com detalhes sobre a sua captura (pesquisada mediante um pedido do Pentágono!).

No momento existem institutos de pesquisa que trabalham constantemente na busca de assuntos atuais codificados mas é extremamente difícil saber o futuro. O tema principal das pesquisas é a ameaça constante do terrorismo ao ponto do próprio Pentágono usar o Código da Bíblia para direcionar seus satélites espiões no Oriente Médio!

Como o Código foi descoberto

“Tu, porém, Daniel, encerra as palavras e sela o livro, até o tempo do fim; muitos o esquadrinharão, e o saber se multiplicará.” – Daniel 12.4

No final do século XVIII, um sábio judeu, conhecido como Genius de Vilna, referindo-se à Torá, os cinco primeiros livros da Bíblia, afirmou:
“A regra é que tudo o que foi, tudo o que é e tudo o que será, até o fim dos tempos, está incluído na Torá da primeira à última palavra. E não só num sentido geral, mas nos detalhes de cada espécie e de cada um individualmente, com detalhe dos detalhes de tudo o que lhe aconteceu desde o dia de seu nascimento até sua morte” (O Código da Bíblia, página 18).

Na época da II Guerra Mundial um rabino da Tchecoslováquia chamado H.M. Weissmandel, desejando encontrar códigos na Bíblia, começou a contar as letras hebraicas da Torá. No primeiro capítulo de Gênesis, notou que, pulando 50 letras e depois outras 50, e assim por diante, soletrava-se a palavra TORAH. Encontrou o mesmo nos outros 4 livros da Torá e percebendo que isto não era coincidência, decidiu escrever um pequeno livro, contando a sua descoberta.

Eliyahu Rips

Cinqüenta anos depois, o Dr. Eliahu Rips, um matemático de nome internacional, catedrático na Universidade de Jerusalém, ouviu através de um rabino, sobre esse livro, cuja única cópia encontrava-se na Biblioteca Nacional de Israel. Rips encontrou o livro, e comprovou o fato em sua própria Torá!

Junto com os eruditos judeus Doron Witztum e Yoav Rosemberg criou um modelo matemático para análise de seqüências alfabéticas eqüidistantes em computador. Assim conseguiu encontrar mensagens codificadas em todo o Antigo Testamento!

Na primeira experiência, usaram nomes de uma lista de 32 importantes sábios judeus encontrada em uma revista hebraica. Além dos nomes também acharam as datas em que nasceram e morreram! A probabilidade de encontrar esses dados codificados é de 1 em 10 milhões, ou seja, muito acima da utilizada na estatística! O ensaio matemático foi publicado no periódico científico Statistical Science (Volume 9, Número. 3, de 1994, pp. 429-438) com o título “Equidistant Letter Sequences in the Book of Genesis”.

Depois de descobrir alguns eventos codificados na Torá, Rips conheceu o jornalista Michael Drosnin do jornal “Whashington Post” que, duvidando da veracidade do código, passou a investigá-lo em seu próprio computador descobrindo também uma série de fatos codificados já ocorridos e ainda por acontecer levando-o a escrever um dos livros mais vendidos do mundo no final do milênio.

Michael Drosnin

Mais tarde, ao assistir ao choque do 2° avião contra o World Trade Center, encontrou o acidente em detalhes na Torá decidindo então continuar suas pesquisas e escrever o 2° livro, “O Código da Bíblia II – Contagem Regressiva”, onde o tema principal é o fim dos tempos.

Ao encontrar a invasão do Iraque no Código da Bíblia, Drosnin começou a escrever o 3° livro que iria ser lançado em novembro de 2005.

Algumas Matrizes Pesquisadas por Drosnin e Rips Desde 1990

Segundo Drosnin, o Código da Bíblia não é uma bola de cristal, mas de cada futuro revela probabilidades e detalhes que podem ser verificados e o que nós fazemos é o que determina o que de fato acontece. A matriz abaixo também encontrada por Drosnin prediz que “no holocausto atômico do fim dos dias o código salvará“. Talvez por causa da divulgação mundial do Código da Bíblia os chefes de estado evitarão grandes destruições e aqueles dias serão abreviados.

Esta outra mostra codificado em hebraico no livro de Daniel o ano judaico 5757 (1997 no nosso calendário), ano em que foi lançado o livro “O Código da Bíblia” e as frases “Para vocês o codificado; para vocês os segredos ocultos” e “Ele selou o livro até o fim dos tempos“.

O ataque ao World Trade Center em 11 de Setembro de 2001

Ismael (patriarca dos árabes) [preto] – 11 de setembro, Ele a julgou [roxo] – A edificação era [verde] – torre(s) [azul] – gêmea(s) [vermelho] – (Êxodo 32.28) “…e caíram do povo naquele dia cerca de três mil homens.” (o número oficial divulgado um ano depois foi de 2801 mortos) [marrom]

“Pecado, crime de Bin Laden”, “A cidade e a Torre”, “…viu que subia da terra fumaça como a de uma fornalha.” Gênesis 19.28

“Torres”, “Gêmeas”, “Ataque”, “Avião”, “Duas vezes”

Guerras e Holocaustos Atômicos

“Holocausto Atômico”, “Primeiro-ministro (Ariel) Sharon”, “Ele lhe deu meu Tratado de Paz”

“Guerra Mundial”, “Ariel (Sharon ou o 1° nome da cidade de Jerusalém)”, “nono dia do mês de Av é o dia da terceira”

“Holocausto Atômico”, “Japão”, “ano hebraico 5705 ou 1945”

A história da Invasão do Iraque

Michael Drosnin havia se reunido 3 vezes com o chefe da agência de inteligência israelense, General Meir Dagan, que levou as advertências do Código da Bíblia tão a sério que pediu urgência para que o primeiro-ministro Ariel Sharon se reunisse com Drosnin. Tempos depois o Deputado Secretário de Defesa americano, Paul Wolfowitz tomou conhecimento do encontro através do General Meir Dagan. Wolfowitz pediu ao Dr. Linton Wells, diretor do nervo central do Pentágono, que convocasse Drosnin para uma reunião no Pentágono.

Na manhã de domingo de 9/2/2003, época em que o presidente George W. Bush se preparava para declarar guerra ao Iraque pressionando a ONU para autorizar a invasão, Michael Drosnin recebeu um telefonema do Dr. Linton Wells, pedindo-o para preparar um sumário sobre o Código da Bíblia para ser apresentado em uma reunião com 10 líderes da inteligência do alto comando do exército americano entre outras autoridades às 9 horas da manhã de sexta-feira 21/2/2003.

A reunião foi numa sala de conferência do anel “E” do Pentágono onde Drosnin apresentou a história do Código da Bíblia dando um memorando a cada um deles dizendo: “Acredito que o código seja real por uma razão simples: continua se tornando realidade”. Uma das autoridades presentes era o almirante Jake Jacoby, Diretor da Agência de Inteligência de Defesa.

Drosnin imprimiu algumas matrizes como a do ataque terrorista de 11 de setembro e uma matriz que formava um desenho do ônibus espacial Columbia onde um acidente matou os 7 tripulantes, 20 dias antes, em 1/2/2003. No desenho da matriz no Código da Bíblia mostrava as palavras “Columbia, eles chorarão”, “Transporte” (ônibus espacial), “fogo destruirá” onde a palavra “destruirá” está na asa esquerda, local onde de fato o fogo iniciara e “desastre”.

Finalmente Drosnin lhes deu cópias da carta que enviara ao primeiro-ministro israelense Rabin um ano antes de ser assassinado advertindo-o que o Código da Bíblia havia predito o seu assassinato: “Yitzhak Rabin” cruzado com “Assassino que assassinará”. Os líderes passaram a se interessar no código tanto quanto os líderes da inteligência israelense após a morte de Rabin.

Drosnin continuou dizendo: “A razão principal pela qual vim é que o código adverte que nós possamos enfrentar o último perigo: uma guerra mundial nuclear, começando no Oriente Médio, dentro de quatro anos”. Ele mostrou-lhes que “guerra mundial”, “Holocausto Atômico” e ” Fim dos Dias” estavam codificados com o mesmo ano, 2006 numa probabilidade de pelo menos 100000 por 1! Jacoby perguntou-lhe o que poderiam fazer, já que estava predito e Drosnin afirmou que “Um famoso matemático israelense (Rips) o qual descobriu o código disse que isto não pôde acontecer por casualidade, teve que ser codificado intencionalmente na Bíblia. Mas tenho certeza que o perigo possa ser prevenido. O Código da Bíblia revela probabilidades, cada futuro, e o que nós fazemos determina o que de fato acontece”.

Wells lhe perguntou sobre o Iraque e Drosnin lhes apresentou tudo o que havia encontrado no código: “Diz que Saddam Hussein vai cair em 2003. Está codificado na forma de uma pergunta e resposta: ‘Quem é destruído? Hussein'”. Mostrou-lhes também que em uma versão mais detalhada do mesmo código diz “Saddam fugirá, e morrerá”. Então Joint Chiefs, que chegara atrasado na reunião perguntou: “Então já está determinado?” e Drosnin lhe respondeu: “Não. O código de Bíblia não é uma bola de cristal. Revela probabilidades. Nada é fixo. Mas provê informação detalhada que possa ser conferida. Porém, não creio que o real perigo seja Saddam Hussein, mas Osama bin Laden”.

Drosnin afirmou que de todas as informações que encontramos no Código da Bíblia uma coisa se apresenta mais útil: um local claramente apontado onde bin Laden, a sede da Al Qaeda e todos as suas armas mais perigosas poderiam ser encontrados. Ele deu essas informações, com o exato local no deserto, lhes garantindo que não iria publicá-las. Estavam codificados nas matrizes o nome da base terrorista, o local como “sede do exército em …”, as palavras “arma atômica”, “holocausto atômico”, “varíola”, “Laden”, “projétil” e os objetivos “Jerusalém”, “Tel Aviv” e “Nova Iorque”, sendo que o código mostra que esta última não é o principal alvo. Também estão codificados com a base as palavras “terrorismo” e “no fim dos dias”.

Ao término da reunião Drosnin afirmou: “Posso lhes dizer onde observar, mas não quando. Nunca vi claramente qualquer coisa codificada com o local desta base terrorista de bin Laden, mas o código não declara um ano. Só posso sugerir que tentem agora, e outras vezes porque se tiverem sucesso irão parar o terrorismo na sua fonte”.

Dias depois eles ajustaram as coordenadas dadas pelo Código da Bíblia no sistema de satélites espiões para vigiarem a área, porém, como Drosnin já havia comentado, não se sabe quando o local irá ser usado. No entanto, eles estavam mais preocupados com a invasão do Iraque e acabaram por esquecer o principal: a captura de Osama bin Laden.

No fim de Julho de 2003, antes do Presidente Bush ter deixado a Casa Branca para umas férias em sua fazenda em Crawford, Drosnin enviou uma nova carta através dos amigos de Bush no Texas alertando-o sobre os fatos codificados na Bíblia como o ano de 2006, “Holocausto Atômico” e “Guerra Mundial”. Segundo ele, “11 de setembro não era o fim do perigo, mas o começo”.

Saddam Hussein foi capturado no sábado à noite, 13/12/2003 em um esconderijo perto de Tikrit, Iraque, cumprindo mais uma predição do Código da Bíblia. Neste dia, após ter sido anunciada a captura de Saddam Hussein, o Professor Rips e Michael Drosnin acharam uma matriz com as palavras: “Cativeiro de Hussein”, “Prisão”, “Iraque” e o ano hebraico “5764”. Também estavam codificados dois outros detalhes do evento: o turno – “à noite” e o fato que Hussein fora traído por alguém próximo – “informante”.

Alguns Exemplos de Matrizes Encontradas Por Outros Pesquisadores

Maitreya, o falso cristo

Ele ameaçou Deus (Yah): Maitreya [círculos] – E o filho da mulher Israelita blasfemou o nome do SENHOR, e amaldiçoou [quadrados]

Michel Smiely, o “senhor 666”

Aqui está o verdadeiro 666 [círculos] – ele coleciona parábolas (não é puro) [hexagonais] – sub-deus, para queimar [quadrados]

2006, um ano do Dia do Senhor?

Escuridão e densas trevas é a verdade para o ano de 2006 [preto] – A força da salvação do seu ungido [vermelho] – “Salve o seu povo”, “Jesus Cristo”, “Em mim a sua salvação” e Sodoma [demais cores]

Presidente da Europa (será criado pela União Européia)

Presidente da Europa soberbo/excelso [vermelho vertical seguido de azul claro] – “Esaú tornou-se perito caçador, homem do campo (algum descendente de árabe?)” Gênesis 25.27 [azul] – Nome: 666 [roxo] – ameaça [laranja] – tempo (do) 666 [preto] – Euro [rosa] – pecado [marrom]

Filme “Paixão de Cristo”

Filme [verde] – Paixão de Cristo [vermelho] – A cena será sangrenta! [azul claro]
As demais palavras encontradas são irrelevantes.

Presidente George W. Bush

G. W. Bush [vermelho] – será eleito [azul] – 2004 [amarelo]

Terror na Rússia

Ataque/ lamento [vermelho] – escola [verde] – na Rússia [azul] – dia para a vingança [amarelo]

O 1° Selo (Apocalipse 6.1-2) encontrado codificado na Torá – A revelação do anticristo

Algumas das palavras relacionadas na matriz:

  • Primeiro selo, Anos 5765 e 5766 (Entre Outubro de 2004 e Outubro de 2006), Palavra de Deus, 9 de Av (14/8/2005 ou 3/8/2006), Revelação, Arqueiro, Coroa, Conquistador (Vencedor), Cavaleiro, Cavalo, Branco, Cordeiro, Trovão, Primeira Besta

“”E vi quando o Cordeiro abriu um dos sete selos, e ouvi um dos quatro seres viventes dizer numa voz como de trovão: Vem! Olhei, e eis um cavalo branco; e o que estava montado nele tinha um arco; e foi-lhe dada uma coroa, e saiu vencendo, e para vencer.” Apocalipse 6.1-2

O assassinato de uma israelense grávida e suas 4 filhas por terroristas árabes em Maio/2004

Grávida de 8 meses, Tali Hatuel (34 anos) e suas filhas Hila (11), Hadar (9), Roni (7) e Merav (2) foram assassinadas por terroristas palestinos árabes que atiraram contra o veículo em que viajavam, no dia 2/5/2004 (11/Iyar/5764) na Faixa de Gaza em Israel.

A tragédia de 26 de Dezembro de 2004
Foram encontradas algumas matrizes sobre a Tsunami . Estas são as mais interessantes:

2004 [rosa] – 26 de dezembro, corra, candeias do demônio, desgraça [vermelho] – águas alagarão escondendo o lugar [azul] – para as ilhas [amarelo] – do leste [marrom]

“Milhares pereceram na tsunami na Ásia em 14 de Tevet (26 de dezembro)”

Bob Marley
Esta interessante matriz foi encontrada recentemente no livro de Salmos entre os capítulos 77 e 89

Bob Marley (vermelho), música (verde), Reggae (azul)

Epidemia de SARS
A gripe asiática descoberta em 2003

SARS, Epidemia da China no ano de 5763 (2003)

Osama bin Laden
O terrorista mais procurado do mundo foi encontrado em várias matrizes. Esta aqui diz que o Messias fará a vingança.

“Te nomearei ‘destruição’. Abominável é bin Laden e a vingança pertence ao Messias”

O Cardeal Ratzinger
Cerca de 3 matrizes foram encontradas sobre o novo papa. Esta indica apenas que ele viria.

Ratzinger é “deus” para ela (vermelho). O cardeal virá (lilás).

Como diz o próprio Drosnin, o Código da Bíblia não deve ser visto como uma “bola de cristal” mas deve ser considerado como uma espécie de “último aviso” para a humanidade que a cada dia está mais materialista e menos espiritual.

06-06-16 013
Rev. Ângelo Medrado, Bacharel em Teologia, Doutor em Novo Testamento, referendado pela International Ministry Of Restoration-USA e Multiuniversidade Cristocêntrica é presidente do site Primeira Igreja Virtual do Brasil e da Igreja Batista da Restauração de Vidas em Brasília DF., ex-maçon, autor de diversos livros entre eles: Maçonaria e Cristianismo, O cristão e a Maçonaria, A Religião do antiCristo, Vendas alto nível, com análise transacional e Comportamento Gerencial.

 

Por Pastor Ângelo Medrado

Pr. Batista, Avivado, Bacharel em Teologia, PhDr. Pedagogo Holístico docente Restaurador, Reverendo pela International Minystry of Restoration - USA - Autor dos Livros: A Maçonaria e o Cristianismo, O Cristão e a Maçonaria, A Religião do Anticristo, Vendas Alto Nível com Análise Transacional, Comportamento Gerencial.
Casado, 4 filhos, 6 netos, 1 bisneto.

10 respostas em “O Código da Bíblia – documentário completo”

ENCARNAÇÃO DO ESPÍRITO DA VERDADE

(GL.1.9) ASSIM JÁ DISSEMOS, E AGORA REPITO: (AP.22.18) EU, A TODO AQUELE QUE OUVE AS PALAVRAS DA PROFECIA DETE LIVRO, TESTIFICO: (JB.14.17) O ESPÍRITO DA VERDADE QUE O MUNDO NÃO PODE RECEBER, PORQUE NÃO NO VÊ NEM O CONHECE, VÓS O CONHECEIS; PORQUE ELE HABITA CONVOSCO E ESTARÁ EM VÓS, (SL.33.19) PARA LIVRAR-LHES A ALMA DA MORTE, E NO TEMPO DA FOME CONSERVAR-LHES A VIDA: (MC.15.28) E CUMPRIU-SE A ESCRITURA QUE DIZ: (MT.1.23) EIS QUE A VIRGEM CONCEBERÁ E DARÁ A LUZ UM FILHO, E ELE SERÁ CHAMADO PELO NOME DE EMANUEL (QUE QUER DIZER: DEUS CONOSCO:
ATÉ QUE ENFIM…
AGORA, OS IDOLATRAS JÁ NAO PODERAO CONTINUAR AFASTANDO A ALMA HUMANA DO ESPÍRITO DE DEUS IMPUNIMENTE; PORQUE JÁ SÃO PECADORES CONSCIENTES: JÁ NAO PODERÃO CONTINUAR PERPETUANDO A IGNORÂNCIA NA TERRA, CAUSANDO O SOFRIMENTO DO MEU POVO, E A DESTRUIÇÃO DO NOSSO PLANETA; PORQUE A MENTIRA JÁ NÃO PODE PREVALECER CONTRA A VERDADE ETERNA DOS MEUS TESTEMUNHOS ESPIRITUAIS, ASSIM SINTETIZADA:

Paz à todos!

Este tópico tem a finalidade de reunir algumas referências a respeito da encarnação do Espírito da Verdade para o período atual de transição planetária. Não serão mostradas as mensagens na íntegra, mas serão mencionadas as obras das quais os trechos foram extraídos, para quem quiser conferir posteriormente. Muitos estudiosos espíritas, para não dizer todos, fazem uma vista grossa para este magno acontecimento. Sendo assim, fazendo menção à parábola evangélica As Dez Virgens, perguntamos: estamos nos assemelhando às virgens loucas ou às virgens prudentes, quando o Noivo divino já está chegando? O real preparo está sendo realizado para receber Ensinamentos de ordem mais elevada, pelo novo Enviado de Deus à face da Terra? Quando uma nova luz iluminar o entendimento humano a respeito da Verdade Eterna através do Espírito da Verdade encarnado, estaremos preparados para recebê-la, ainda mais se estiver fora das nossas expectativas? Receberemos o Enviado mesmo se ele não estiver vinculado diretamente e atuante no Espiritismo? É, no mínimo, para refletir sobre o assunto.

1 – “Vimos preparar os caminhos para que as profecias se cumpram. Quando o Senhor vos der uma manifestação mais retumbante da sua clemência, que o enviado celeste já vos encontre formando uma grande família; que os vossos corações, mansos e humildes, sejam dignos de ouvir a palavra divina que Ele vos vem trazer; que ao eleito somente se deparem em seu caminho as palmas que aí tenhais deposto, volvendo ao bem, à caridade, à fraternidade.” (O Evangelho Segundo o Espiritismo, Cap. VII, Instruções do Espíritos, mensagem O Orgulho e a Humildade, 12º parágrafo, pelo espírito Lacordaire)

2. – “(…) mas há outros [seres] cuja missão é agir sobre a Humanidade inteira, que não aparecem senão nas épocas mais raras, que marcam a era das transformações gerais.
Jesus-Cristo foi um destes enviados excepcionais; do mesmo modo tereis, para os tempos chegados, um Espírito superior que dirigirá o movimento de conjunto e dará uma coesão poderosa às forças esparsas do Espiritismo. (…) Limito-me a dizer-vos: Esperai e orai., porque o tempo é chegado e o novo Messias não vos faltará: Deus saberá designá-lo a seu tempo. E, aliás, é por suas obras que ele se afirmará.” (Revista Espírita, ano 1868, mês Fevereiro, Instruções do Espíritos, 3ª mensagem, Os Messias do Espiritismo, pelo espírito Baluze)

3 – “(…) Não fiqueis, pois, admirados de todas as comunicações que vos anunciam a vinda de um Espírito poderoso sob o nome do Cristo; (…) Se o Messias de que falam essas comunicações não é a personalidade de Jesus, é o mesmo pensamento. É aquele que Jesus anunciou, quando disse: ‘Eu vos enviarei oEspírito de Verdade, que deve restabelecer todas as coisas’, isto é, reconduzir os homens à sã interpretação de seus ensinamentos, porque ele previa que os homens se desviariam do caminho que lhes havia traçado. (…) Quando todas as bases estiverem postas, então virá o Messias, que deve coroar o edifício e presidir à reorganização, auxiliado pelos elementos que tiverem sido preparados” (Revista Espírita, ano 1868, mês Fevereiro, Instruções do Espíritos, 4ª mensagem, Os Messias do Espiritismo, pelo espírito Lacordaire)

4 – “(…) Esse glorioso futuro que vos anunciamos será realizado pela vinda de um Espírito superior, que resumirá, na essência de sua perfeição, todas as doutrinas antigas e novas, e que, pela autoridade de sua palavra, ligará os homens às crenças novas. (…) Perguntais se esse novo Messias é a pessoa mesma de Jesus de Nazaré? Que vos importa, se é o mesmo pensamento que os anima a ambos? (…) Espíritas! Compreendei a gravidade de vossas missão; estremecei de alegria, porque não está longe a hora em que o divino enviado alegrará o mundo. (…) A ignorância e a perturbação ainda vos ocultam uma parte da verdade que só o celeste Mensageiro vos pode revelar inteiramente.” (Revista Espírita, ano 1868, mês Fevereiro, Instruções do Espíritos, 6ª mensagem, Os Espíritos Marcados, pelo espírito São Luís)

5 – “(…) Sim, meus filhos, o povo se comprimirá sobre os passos do novo mensageiro anunciado pelo próprio Cristo, e todos virão escutar essa divina palavra, porque nela reconhecerão a linguagem da verdade e o caminho da salvação.” (Revista Espírita, ano 1868, mês Fevereiro, Instruções do Espíritos, 7ª mensagem, Os Espíritos Marcados, pelo espírito Lamennais)

6 – “(…) Novas raças saídas das altas esferas vêm rodopiar em torno de vós, esperando a hora de sua encarnação messiânica (…). Estamos e ficaremos convosco, sob a égide do Espírito de Verdade, meu e vosso mestre.” (Revista Espírita, ano 1868, mês Fevereiro, Instruções do Espíritos, 8ª mensagem, Futuro do Espiritismo, pelo espírito Erasto)

7 – “(…) as virtudes dos céus já se abalam e as estrelas caem de sua abóbada, mas transformadas em Espíritos puros, que vêm, como anuncia a Escritura em linguagem figurada, proclamar sobre as ruínas do velho mundo, o advento do Filho do Homem.” (Revista Espírita, ano 1868, mês Fevereiro, Instruções do Espíritos, 10ª mensagem, As Estrelas Cairão do Céu, pelo espírito Dupuch)

8. – “Povos, escutai!… Uma voz se faz ouvir de um extremo ao outro do mundo: é a do precursor anunciando a vinda do Espírito de Verdade, que vem endireitar os caminhos tortuosos por onde o espírito humano se desgarrava em falsos sofismas. (…) O Espiritismo é essa voz poderosa que já repercute até os confins da Terra; todos a ouvirão.” (Revista Espírita, ano 1868, mês Fevereiro, Instruções do Espíritos, 11ª mensagem, Os Mortos Sairão de Seus Túmulos, pelo espírito João Evangelista)

9 – “(…) A vinda do Messias, como fato geral, está anunciada, porque era útil que dela se estivesse prevenido; é uma garantia do futuro e um motivo de tranquilidade, mas as individualidades não devem revelar-se senão por seus atos. (…)” (Revista Espírita, ano 1868, mês Março, Comentários Sobre os Messias do Espiritismo, 4º tópico, 8º parágrafo, por Allan Kardec)

10 – “(…) Moisés é o tempo passado; o Cristo, o tempo presente; o Messias a vir, que é o amanhã, ainda não apareceu… Moisés tinha que combater a idolatria; o Cristo, os fariseus; o Messias a vir terá também os seus adversários: a incredulidade, o cepticismo, o materialismo, o ateísmo e todos os vícios que acabrunham o gênero humano… (…) Mas esse Messias que deve vir é o próprio Cristo? questão difícil de compreender no tempo presente, e que amanhã será esclarecida. (…) É o Espiritismo que deve remover as grandes pedras que poderiam dificultar a passagem daquele que deve vir. Esse homem será poderoso e forte, e numerosos Espíritos estão na Terra para aplanar o caminho e fazer cumprir o que foi predito. (…) Esse novo Messias será chamado o Cristo? É uma pergunta que não posso responder; esperai o amanhã. (…) trabalhai sobre vós mesmos para vos regenerardes, a fim de que o Mestre vos encontre preparados.” (Revista Espírita, ano 1868, mês Maio, Dissertação dos Espíritos, mensagem Ontem, Hoje e Amanhã, pelo Espírito da Fé)

11. – – “(…) Todos somos chamados ao grande labor e o nosso mais sublime dever é responder aos apelos do Escolhido. (A Caminho da Luz, cap. XXV, O Evangelho e o Futuro, 24ª parágrafo, pelo espírito Emmanuel)
Setembro/2015

Clique aqui para ler mais: http://www.forumespirita.net/fe/artigos-espiritas/encarnacao-do-espirito-da-verdade/#ixzz3mTdR8eBO

O LIVRO DA VIDA
(ES.12)
(JB.6.45) – ESTÁ ESCRITO NOS PROFETAS: (IS.34.16) – BUSCAI NO LIVRO DO SENHOR E LEDE (ES.87.8) – AO ESPÍRITO DO NOSSO SANTO GUIA, NESTE MEU SER QUE É PREDESTINADO, RECOMPONDO ESSES CARACTERES, DESSA FORMA: (148 letras e 8 sinais)
(JB.19.28)- Depois, vendo Jesus que tudo já estava consumado para se cumprir a Escritura, disse: (1SM.12.3) – Eis-me aqui, (DN.9.24) – para dar fim aos pecados, para expiar a iniqüidade, para trazer a justiça eterna:(JB.8.25) – Que é que desde o princípio vos tenho dito? (LC.12.2) Nada há encoberto que não venha a ser revelado; e oculto que não venha a ser conhecido:(LE.3.1) – Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo propósito debaixo do céu; (2PE.3.4) porque desde que os pais dormiram, todas as cousas permanecem como desde o principio da criação:(AP.14.13) Então, ouvi uma voz do céu, dizendo: Escreve: (BC.4.4) – Ditosos somos, ò Israel; porque as cousas que agradam à Deus nos são manifestas: (JS.1.8) – Não cesses de falar deste livro da lei, antes, medita nele dia e noite, pára que tenhais cuidado de fazer segundo tudo quanto nele está escrito; (JB.13.15) – porque eu vos dei o exemplo, para que, como eu vos fiz, façais vós também: (LC.16.17) – E é mais fácil passar o céu e a terra do que cair um til sequer da lei: (ÊX.3.6) – Disse mais: Assim dirás aos filhos de Israel: (EC.24.32) – Tudo isto é o livro da vida, e o testemunho do Altíssimo, e o conhecimento da verdade: (IS.46.8) – Lembrai-vos disto e tende ânimo, tomai-o à sério, ó prevaricadores; (EC.28.7) – porque a corrupção e a morte estão a cair sobre aqueles que quebrantam os mandamentos do Senhor: – (IS.24.5) – Na verdade a terra está contaminada por causa dos seus moradores, porquanto transgridem as leis, violam os estatutos e quebram a aliança eterna: (SL.14.3)–Todos se extraviaram e juntamente se corromperam; (SL.106.33)- pois foram rebeldes ao Espírito de Deus, e Moisés falou irrefletidamente: (RM.6.19) – Falo como Homem por causa da fraqueza da vossa carne: (LC.16.9) – E eu vos recomendo: Buscai n’A BIBLIOGÊNESE DE ISRAEL, o poder do saber viver sob a proteção de Deus; (RM.8.22) – porque sabemos que toda a criação, a um só tempo geme, e suporta angustias até agora:
ESCREVI ESSE RESUMO, AGINDO COMO UM DOS SANTOS PROFETAS, LENDO NOSSO CARATER, E CRIANDO O LIVRO QUE DÁ SENTIDO À SANTA VIDA, PELO SENHOR DEUS: ESSE SÁBIO PROFETA É CRISTO, E TEREIS PODER: (IL.148.8)
A Bibliogênese de Israel

S I N O P S E

Desde o inicio dos tempos proféticos, muito já se cogi-tou e muito já se escreveu à respeito da Escritura Sagrada; na tentativa de se alcançar os fundamentos da criação divina e das próprias Criaturas; porque é para essa finalidade maior que a mesma existe entre nós, como sendo a única e inesgotável fonte do verdadeiro conhecimento.

Todavia, jamais houve consenso sobre o Legado Bíblico; porque o Espírito de Deus escondia a sua verdade entre os seus símbolos; e também porque os descendentes de Adão e Eva viviam cultuando a esperança pela volta de Cristo, pois não havia ninguém que soubesse fazer a vontade do Senhor na terra.

Na verdade, esse Livro Sagrado permanecia selado e lacrado hermeticamente, impedindo que os olhos da carne pudessem vislumbrar o seu conteúdo objeto, ou a herança espiritual que o Criador de todas as cousas legou às nossas almas; porque todos dormiam o profundo sono da inconsciên-cia, e não havia quem pudesse tirar os seus selos.

Por isso mesmo, até o dia 30.09.1985, havia tempo e modo para todo propósito debaixo do céu; até mesmo para que matássemos a esperança vã dos Homens e das Mulheres de boa fé, que esperavam pela volta de Jesus Cristo; porquan to naquele dia o Filho do amor se agiu, e desceu como Autor desse trabalho singular; porque Cristo já esperava por essa Providência Divina, a fim de consumarmos as profecias de conformidade com os Santos ensinamentos que os Leitores já passam a receber do próprio Rei de Israel.

Espero que o mundo faça bom proveito da loucura divi-na, na certeza de que esta é mais poderosa do que a sabedoria humana.
O Autor

Agradeço a sua preciosa colaboraçào e disponibilizo o espaço deste site para suas manifestações e publicações.Angelo Medrado

ESPARGINDO A LUZ DO SABER:
(EZ.) – EZEQUIEL: A VISÃO DOS QUATRO QUERUBINS: (ES.5.2) – É AZUL: (AR.37.5)
(JB.8.12) – Eu sou a luz do mundo: Quem me segue não andará nas trevas; pelo contrário, terá a luz da vida: (1CO.9.3) – A minha defesa perante os que me interpelam é esta:
São 37 letras e 5 sinais que, recompostos, geram a luz deste saber, com o testemunho do Verbo Divino, que diz:
O QUE NÃO QUIS TER BOA VIDA QUIS SER LUZ: E É A LUZ: (IL.37.5)
(LC.20.9) – A seguir passou Jesus a proferir ao povo esta parábola:
(GN.1.5) – CHAMOU DEUS A LUZ DIA, E AS TREVAS NOITE: HOUVE TARDE E MANHÃ, O PRIMEIRO DIA: (AR.59.5)
Isto é o que diz o Verbo Divino, ao recompormos as 59 letras e 5 sinais acima, a saber:
DEUS ESPIRITUALIZOU O HOMEM: ENTÃO, HA UM CRISTO NA ERA, HA A VERDADE E VIDA: (IL.59.5)
Porventura Cristo é o Guia dos Guias que vive em mim?
V e j a m o s :
(JB.6.45) – ESTÁ ESCRITO NOS PROFETAS: (LE.7.12) – A SABEDORIA PROTEGE COMO PROTEGE O DINHEIRO; MAS O PROVEITO DA SABEDORIA É QUE ELA DÁ VIDA AO SEU POSSUIDOR: (AR.109.6)
(Recomposição das 109 letras e 6 sinais que compõem a parábola acima):
O ESPÍRITO SANTO SABE QUE O PAI DO GUIA DOS GUIAS SE CHAMA ARNALDO RIBEIRO: E É VERDADE; E CRISTO PODE MOSTRAR ESSE PROFETA À TODO O POVO: (IL.109.6)
(JB.6.14) – Este é, verdadeiramente, o Profeta que devia vir ao mundo? (GL.2.20) – Ora, acerca do que vos escrevo, eis que diante de Deus testifico que não minto. (GL.2.20) – Logo, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim; e esse viver que, agora, tenho na carne, vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e a si mesmo se entregou por mim.

O SABER LER A SI:
(ES.12.1)
(AP.13.18) – AQUI ESTÁ A SABEDORIA: AQUELE QUE TEM ENTENDIMENTO CALCULE O NUMERO DA BESTA, POIS É NÚMERO DE HOMEM: ORA ESSE NÚMERO É SEISCENTOS E SESSENTA E SEIS: (AR.119.9)

(ISRAEL é o nome do Homem que sabe LER A SI no Espírito Bíblico: Aqui o saber acaba com as cogitações infundadas que existiam acerca do número 666 do Apocalipse, pois o que está escondido nas 131 letras e 10 sinais que compõem o texto acima, é isto):

ARNALDO RIBEIRO É ISRAEL: É O HOMEM QUE NASCEU NO CÉU, QUE AMA E SABE TESTAR AS ALMAS NO SEU NOME: E ELE ENTENDE QUE CRISTO TESTA DEUSES E DIABOS NESSE MESMO ESPÍRITO. (IL.131.7)

O SÉTIMO DIA
(DN.4.2) Pareceu-me bem fazer conhecidos os sinais e maravilhas que Deus, o Altíssimo, tem feito para comigo,; (EF.2.7) para mostrar nos séculos vindouros a suprema riqueza da sua graça em bondade para conosco em Cristo Jesus; (1CO.15.45) pois assim está escrito:

(GN.2.3) – E ABENÇOOU DEUS O DIA SÉTIMO, E O SANTIFICOU; PORQUE NELE DESCANSOU DE TODA A OBRA QUE, COMO CRIADOR, FIZERA: (AR.85.6)

E o que o Senhor quer dizer com as 85 letras e 6 sinais acima é isto:

SOU O ESPÍRITO QUE DESCEU DO CÉU, CRIANDO A SUA FÉ; E FAÇO SANTO O QUE É BATIZADO COM NOME DE ARNALDO RIBEIRO: (IL.85.6)

(Lc.12.50 – Tenho, porém, um batismo com o qual hei de ser batizado; e quanto me angustio até que o mesmo se realize; (IS.21.16) porque assim me disse o Senhor: (1RS.18.31) Israel será o teu nome, (LS..9.6) porque ainda que algum seja consumado entre os filhos dos homens, se estiver ausente dele a tua sabedoria, será reputado como nada.(LC.4.21) Hoje se cumpriu a escritura que acabais de ouvir: (LC.6.5) O Filho do Homem é Senhor do sábado:
E agora José? Ou melhor, Chico?…

BÍBLIA: O LIVRO DO QUAL NADA SE SABE
Título provocatório? Nem pensar.
O seguinte artigo é parte duma conferência de Mauro Biglino que, como sabemos, é um académico especializado na tradução do antigo hebraico. Sabemos também como o termo Elohim (que na Bíblia é utilizado para indicar “Deus”) seja na verdade um pronome substantivo singular ou plural, dependendo o sentido do verbo e/ou do adjectivo que seguem.

Mas vamos além disso.
É possível escrever um livro de receitas para fazer o pão, livro no qual não existem os termos “Farinha”, “Água” e “Amassar”? Complicado, não é? A resposta é “Não”, não podemos escrever um livro de receitas de pão sem utilizar aqueles termos. Mas isso é exactamente o que acontece no Antigo Testamento (de seguida: A.T.).

O idioma no qual foi escrito o A.T. não tem o termo “Deus”. Não tem o termo “Eternidade”. Não tem o verbo “Criar”. Este é o dado do qual partimos. E visto que não é possível escrever um livro nestas condições, a lógica consequência é que a Bíblia não fala de Deus. Pronto, seria possível acabar aqui porque no antigo hebraico não existem os termos Deus, Eternidade ou Criação: portanto é impossível que a Bíblia fale de Deus.

Mas vamos fazer um esforço: se os termos citados não existem, como é que a Bíblia sempre foi considerada qual livro sagrado, inspirado directamente por Deus? A resposta é: fantasia teológica. Com a Bíblia podemos só “fazer de conta que…”.

“Deus”
Na Bíblia original o termo “Deus” não existe. Não é uma afirmação feita por um possuído, é a afirmação da exegese hebraica (exegese, em âmbito filológico, é uma explicação ou interpretação crítica de um texto, particularmente de um texto religioso): no antigo hebraico não existe um único termo que signifique ou exprima o conceito de “Deus”. Se num idioma não existe o termo “Deus” é porque não existe o conceito de Deus: cada palavra é a elaboração dum conceito pré-existente. Nada de palavra “Deus”? = Nada de conceito de Deus. E vice-versa. Muito simples. Esta não é uma questão de interpretação, este é um facto, perguntem a qualquer linguista.

“Eternidade”
Peguem num qualquer dicionário de hebraico e aramaico bíblicos, como por exemplo aquele da Sociedade Bíblica Britânica (página 304) e procurem o termo olam, que na Bíblia é sempre traduzido como “Eternidade”: no referido dicionário, a primeira coisa escrita é “Não traduzir como eternidade”. Olam é um tempo “muito comprido” mas não eterno. Por qual razão a Bíblia traduz sempre olam com “eternidade”?

“Criação”
É possível encontrar em rede estudos conceituados no qual é afirmado que na Bíblia não existe nenhum Deus criador. A razão? Bara, termo do antigo hebraico que a Bíblia traduz como “criação”, indica mais simplesmente “intervir numa situação já existente para modifica-la”. Procurem o rabino Edward Greenstein, Professor Bíblico na Universidade de Tel Aviv, na Universidade Bar-Ilan e na Jewish Publications Society de New York (onde são admitidos só rabinos, sendo a instituição o topo mundial das publicações de estudos teológicos hebraicos): Greenstein escreve que “a história do primeiro capítulo da Génesis é na realidade uma sucessão de divisões”. A Génesis não fala de “criação” mas de “divisões” operadas pelos tais Elohim com o fim de tornar uma situação preexistente algo mais idóneo do ponto de vista das suas necessidades. Nenhum filólogo traduz bara com “criar”: essa é uma tradução sucessiva, introduzida por necessidades teológicas.

Resumindo: na Bíblia não há o conceito de Deus, falta o conceito de Eternidade e nunca se fala duma Criação. O A.T. não fala da origem do Universo, não fala dum Deus criador, nem fala dum Deus.
Este é um facto.
Quem escreveu a Bíblia?

O Profeta Isaías
A Bíblia é um livro (melhor: um conjunto de livros) do qual sabemos praticamente nada. Os autores?

Foram dezenas de indivíduos dos quais, outra vez, nada sabemos. Alguém, numa determinada altura, decidiu reunir uma série de escritos e tradições orais para criar o cânone bíblico, o conjunto de 46 livros considerados pela Igreja Católica como verdadeiros.

Os Protestantes têm 39 livros “verdadeiros”. Os hebraicos têm também 39 livros. Os cristãos coptas têm 39 livros (que são os mesmos dos hebraicos) mais outros que não são considerados “verdadeiros” nem pelos hebraicos nem pelos outros cristãos. Os Samaritanos têm 6 livros “verdadeiros”, os outros são considerados como falsos.

Na prática, os livros “verdadeiros” dependem do lugar onde nascemos.

Mas voltemos aos autores. Os primeiros 5 livros que formam o Pentateuco, tradicionalmente atribuídos à Moisés, foram escritos depois do exílio babilonês, portanto no V século a.C.. Isso significa, no mínimo, 7 séculos depois de Moisés. 700 anos. Imaginem escrever hoje um livro acerca de vida e obras dum indivíduo que viveu na altura em que a América nem tinha sido descoberta pelos Europeus.

E mais: no tempo de Moisés o idioma hebraico não existia. A primeira prova da língua hebraica antiga é do X século a.C. e é composta por um alfabeto proto-hebraico encontrado no sitio de Tel Satia. Ou seja: pelo menos 300 anos depois de Moisés.
Mesmo assim, vamos tentar perceber algo acerca dos autores da Bíblia.
Pegamos no Livro de Isaías, o maior dos Profetas do A.T..

O livro de Isaias é composto por 66 capítulos dos quais os primeiros 39 são atribuídos a Isaías “porque não temos razões sérias para nega-lo” (ver estudos do Prof. Penna, consultor do Pontifício Conselho Bíblico do Vaticano). Ou seja: não sabemos se foram verdadeiramente escritos por Isaías, simplesmente não temos motivos suficientes para provar o contrário. O que é diferente. Mas estes são os primeiros 39 capítulos: e os outros?

Os capítulos desde o 40 até o 55 foram escritos por um indivíduo chamado Deutero-Isaías. Deutero em grego significa “segundo”, portanto o Segundo Isaías. Pormenor: o Segundo Isaías escreveu 200 anos após o primeiro. Os capítulos desde o 56 até o 66 foram escritos pelo Terceiro Isaías, que viveu algumas décadas após do Deutero-Isaías. Portanto, na melhor das hipóteses, o Livro de Isaías foi escrito num período de 250 anos.

Três pessoas escreveram o Livro de Isaías? Não. Os estudos do citado Prof. Penna, que reconhecem os primeiros 39 capítulos como de autoria do primeiro Isaías, admitem todavia que os entre o 10 e o 23 não foram escritos por ele.

É como se eu hoje decidisse acabar um livro iniciado em 1765, afirmando ser obra dum tal Max 1º mais a participação de outro ou outros autores desconhecidos; continuado em 1965 por um alegado Max 2º; acabado hoje, em 2015, por mim, que declaro a obra “autêntica” e “inspirada por Deus” (mas não posso utilizar o termo “Deus” porque não tenho este conceito). Alguém poderia duvidar das minhas afirmações.
Mesmo assim, vamos tentar perceber algo acerca dos autores da Bíblia.
Pegamos no Livro de Isaías, o maior dos Profetas do A.T..

O livro de Isaias é composto por 66 capítulos dos quais os primeiros 39 são atribuídos a Isaías “porque não temos razões sérias para nega-lo” (ver estudos do Prof. Penna, consultor do Pontifício Conselho Bíblico do Vaticano). Ou seja: não sabemos se foram verdadeiramente escritos por Isaías, simplesmente não temos motivos suficientes para provar o contrário. O que é diferente. Mas estes são os primeiros 39 capítulos: e os outros?

Os capítulos desde o 40 até o 55 foram escritos por um indivíduo chamado Deutero-Isaías. Deutero em grego significa “segundo”, portanto o Segundo Isaías. Pormenor: o Segundo Isaías escreveu 200 anos após o primeiro. Os capítulos desde o 56 até o 66 foram escritos pelo Terceiro Isaías, que viveu algumas décadas após do Deutero-Isaías. Portanto, na melhor das hipóteses, o Livro de Isaías foi escrito num período de 250 anos.

Três pessoas escreveram o Livro de Isaías? Não. Os estudos do citado Prof. Penna, que reconhecem os primeiros 39 capítulos como de autoria do primeiro Isaías, admitem todavia que os entre o 10 e o 23 não foram escritos por ele.

É com se eu hoje decidisse acabar um livro iniciado em 1765, afirmando ser obra dum tal Max 1º mais a participação de outro ou outros autores desconhecidos; continuado em 1965 por um alegado Max 2º; acabado hoje, em 2015, por mim, que declaro a obra “autêntica” e “inspirada por Deus” (mas não posso utilizar o termo “Deus” porque não tenho este conceito). Alguém poderia duvidar das minhas afirmações?
Qual Bíblia?

A Torah

Acabou? Nem por isso.

Clique aqui para ler mais: http://www.forumespirita.net/fe/paginas-de-internet-espiritas/biblia-o-livro-do-qual-nada-se-sabe/#ixzz3umCOTq7q

CONFORME O QUE ESTÁ ESCRITO NA LEI DO SENHOR:
(LC.2.23)
(LC.8.17) NADA HÁ OCULTO QUE NÃO HAJA DE MANIFESTAR-SE, NEM ESCONDIDO QUE NÃO VENHA A SER CONNHECIDO; (LE.12.14) PORQUE DEUS HÁ DE TRAZER A JUÍZO TODAS AS OBRAS, , ATÉ AS QUE ESTÃO ESCONDIDAS, QUER SEJAM BOAS, QUER SEJAM MÁS: (MT.19.26) ISTO É IMPOSSÍVEL AOS HPMENS, MAS PARA DEUS TUDO É POSSível: (2CO.10.7) OBSERVAI O QUE ESTÁ EVIDENTE:
(RM.10.18) PERGUNTO: A AUTORIDADE PÚBLICA QUE ISENTA FALSAS IGREJAS DE TRIBUTOS FISCAIS POR INTERESSE POLÍTICO, BENEFICIANDO GUIAS CEGOS E PECADORES, QUE AMONTOAM FORTINAS EXPLORANDO A BOA FÉ E A INGENUIDADE DE MUITA GENTE SIMPLES, À PAR DE PERPETUAR A IGNORÂNCIA E O SOFRIMENTO NA TERRA; ACASO TERÁ JUÍZO OU FORMAÇÃO CRISTÃ BASTANTE PARA MONTAR ASSESSORIA RELIGIOSA CAPAZ DE LIVRAR O POVO DE DEUS DESSE JUGO INFERNAL?
ISTO É IMPOSSÍVEL PARA QUEM DESCONHECE OS SANTOS ENSINAMENTOS DE CRISTO, O TESTEMUNHO DOS ESPÍRIOS SUPERIORES, E O CONTEÚDO OBJETO DAS PARABOLAS BÍBLICAS, À EXEMPLO DESTA:
(GN.) O PRIMEIRO LIVRO DE MOISÉS CHAMADO GÊNESIS: A CRIAÇÃO DOS CÉUS E DA TERRA E DE TUDO O QUE NÊLES HÁ: (AR.77.5) –
(Ao recompormos as 77 letras e os 5 sinais que compõem o título acima, o AMOR nos revela que):
HÁ UM HOMEM LENDO AS VERDADES DO SEU ESPÍRITO: ÊLE É O GÊNIO CRIADOR QUE CRIA ESSA AÇÃO DE CRISTO: (IL.77.5)
(LC.20.17) QUE QUER DIZER, POIS, O QUE ESTÁ ESCRITO? (ar) QUERO DIZER QUE: (AP.21.6) TUDO ESTÁ FEITO: (JB.8.32) CONHECEREIS A VERDADE, E A VERDADE VOS LIBERTARÁ; (EZ.12.24) PORQUE JÁ NÃO HAVERÁ VISÃO FALSA NENHUMA, NEM ADVINHAÇÃO LISONJEIRA NO MEIO DA CASA DE ISRAEL: (JÓ.5.4) OS SEUS FILHOS ESTAVAM LONGE DO SOCORRO, ERAM ESPEZINHADOS ÀS PORTAS DO SABER, E NÃO HAVIA QUEM OS LIVRASSE DO MAL; (SL.78.22) PORQUE NÃO CRERAM EM DEUS NEM CONFIARAM NA SUA SALVAÇÃO.
(IS.16.14) AGORA, PORÉM, O SENHOR FALA E DIZ: (JS.5.9) HOJE REMOVI DE VÓS O OPRÓBRIO DO EGITO; (LC.12.32) PORQUE VOSSO PAI SE AGRADOU EM DAR-VOS O SEU REINO:(JB.14.17) O ESPÍRITO DA VERDADE, QUE O MUNDO NÃO PODE RECEBER; PORQUE NÃO NO VÊ, NEM O CONHECE; VÓS O CNHECEIS, PORQUE ELE HABITA CONVOSCO E ESTARÁ EM VÓS: (FL.2.29) RECEBEI-O, POIS, NO SENHOR, COM TODA A ALEGRIA E HONRA! (2CO.13.18) PORQUE NADA PODEMOS CONTRA A VERDADE, SENÃO EM FAVOR DA PRÓPRIA VERDADE: (MT.25.34) VINDE, BENDITOS DE MEU PAI! E TOMAI POSSE DO REINO QUE vOS ESTÁ PREPARADO DESDE A FUNDAÇÃO DO MUNDO…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.