Papa Francisco nega o Ensinamento de Jesus: “O inferno não existe”

Segundo as próprias palavras de Francisco proferidas em uma homilia em Santa Marta, pode-se concluir que o pontífice não acredita em tudo o que a Bíblia diz.

Em sua declaração, o Papa Francisco afirma que a punição que terá aqueles que morrem sem Cristo não será o inferno de fogo como disse Jesus Cristo, mas que o único castigo será o distanciamento de Deus.

“A danação eterna não é uma sala de tortura, esta é uma descrição desta segunda morte: é uma morte. E aqueles que não serão recebidos no Reino de Deus é porque eles não se aproximaram do Senhor, são aqueles que sempre seguiram o seu próprio caminho, se afastando do Senhor e passando diante do Senhor e indo embora sozinhos. É a condenação eterna, é isso continuamente se afastando de Deus. É a dor que está crescendo, um coração não realizado, um coração que foi feito para encontrar Deus, mas por causa do orgulho, porque é seguro de si mesmo, ele se afasta de Deus ”.

Segundo o papa, a distância para sempre do “Deus que dá felicidade”, do “Deus que nos ama muito”, este é o “fogo” – afirmou Francisco, este é “o caminho da condenação eterna”. Isso quer dizer que, segundo o papa, o “fogo” de que fala a Bíblia é apenas uma “ilustração” e não algo real.

Agora, é muito claro que o que Francisco diz sobre o inferno e o lago de fogo não é o que Jesus Cristo ou os apóstolos ensinaram.

  Inferno na Bíblia

O próprio Jesus disse que o inferno era um lugar de tormento e fogo. Jesus Cristo ensinou quando falou do homem rico e de Lázaro, o mendigo:

“E no Hades ergueu os olhos, estando em tormentos, e viu ao longe Abraão, e Lázaro no seu seio. 
Então ele, clamando, disse: Pai Abraão, tem misericórdia de mim e manda a Lázaro molhar a ponta do dedo na água e refrescar a minha língua; porque estou atormentado nesta chama. “Lucas 16: 23-24

“Se a tua mão te faz cair, corta-a; É melhor entrar na vida com uma mão, do que ter duas mãos para ir para o inferno, para o fogo que não pode ser extinto, onde o verme não morre e o fogo nunca se apaga. “Marcos 9: 43-44

“E a besta foi tomada, e com ele o falso profeta que operou milagres diante dele, com o qual enganou os que receberam a marca da besta e os que adoravam a sua imagem. Estes dois foram jogados vivos em um lago de fogo que queima com enxofre. “Apocalipse 19:20

Jesus deixou claro que o inferno é um lugar de constante tormento e não apenas um lugar onde a única punição é estar longe de Deus. Jesus Cristo observou em todos os evangelhos. No entanto, Francisco ainda acha que o inferno não existe como a Bíblia ensina.

Fonte: Rádio Vaticano

Siga-nos
error0