Achado importante: Arqueólogos encontram evidências de Cavalos do Rei Salomão

O profeta Zacarias relembra o lamento pelos mortos e feridos nos campos de Megido (Zc. 12:11) e João, no Apocalipse fala de Armageddon (Har Megido ou montanha de Megido) como o lugar onde três espíritos imundos reúna os reis da terra “para a batalha daquele grande dia do Deus Todo-Poderoso”

O profeta Zacarias relembra o lamento pelos mortos e feridos nos campos de Megido (Zc. 12:11) e João, no Apocalipse fala de Armageddon (Har Megido ou montanha de Megido) como o lugar onde três espíritos imundos reunir os reis da terra “para a batalha do grande dia do Deus Todo-Poderoso” (Apocalipse 16: 13-16; 19:. 11-21).

Na Bíblia, Megido não aparece como uma cidade de Israel até o tempo do reinado de Salomão, onde ele se fortificou e se tornou chefe do distrito (1 Reis 4:12, 9:15).

Mais tarde, por volta de 925 aC, foi tomada pelo faraó Sesonq I, no quinto ano do reinado de Jeroboão, rei de Israel. E Acazias, rei de Judá, ferido por Jeú, e vindo para morrer a Megido (2 Reis 9:27).

Durante muito tempo, os arqueólogos duvidaram da historicidade de Salomão e que ele possuía cavalos, como a Bíblia diz, pois naquela época apenas camelos eram supostamente usados.

500-58ab52250e490_caballosgente420

Mas anos mais tarde, em Megido (em um monte localizado ao sul do cume do Monte Carmelo) descobriram uma cidade que habitava Solomon (965-928 aC décimo século aC) e os restos da parede dos estábulos para cavalos, identificado pela análise dos restos orgânicos do solo. Atualmente, um modelo detalhado e uma escultura metálica lembram a existência desses animais na época. Mais uma vez, a Bíblia estava certa.

Fonte: Protestante Digital

Siga-nos
error0